Retrospectiva do ano de 2018 | Li.Me

janeiro 03, 2019

Antes de começar este post pensei bastante sobre o que seria a primeira publicação aqui do blog.

Digamos que... Os últimos 6 meses foram complicados a nível de publicações e eu queria muito começar este ano de uma forma melhor.

Com isso, tive a ideia de fazer uma retrospectiva sobre o ano que acabou de passar e fazer algumas análises/conclusões, partilhando convosco aquilo que foi para mim o ano de 2018.



Início do ano de 2018

O ínicio do ano de 2018 não foi mau.

Tinha feito alterações aqui no blog, comprei o domínio e comecei a fazer publicações diferentes daquelas que fazia no início.

Tinha prometido a mim mesma que iria ser mais dinâmica com os meus leitores e ser mais ''pontual'' com os posts mas... bem, acho que nem vos preciso de dizer que isso acabou por não acontecer.

Eu tentei... Juro que sim... Mas eu também comecei a publicar mais regularmente no canal de Youtube e, isso mais os stress da vida pessoal, tarefas, trabalho, etc, foi um pouco demais para mim e nunca consegui ser regular nem num lado nem em outro... Enfim...

Meio do ano

Escusado será dizer que o meio do ano foi a pior parte, tanto para mim como para a minha família e amigos próximos.

Antes disso eu até que estava a conseguir ser mais pontual com os posts por aqui, estava com bastantes ideias principalmente por causa do assunto ''casamento'' (que ainda vai voltar) mas depois...

Como sabem, quem me acompanha, foi nessa altura que perdemos o nosso filho. 

Foi uma fase bem complicada das nossas vidas, ainda continua a ser, mas tentamos sempre seguir em frente, sem esquecer essa vida que fez e sempre fará parte da nossa família, e tentamos não deixar que isso conduza os nossos destinos.

Num post expliquei-vos e partilhei convosco o que aconteceu e também algumas das nossas decisões, pois não somos os únicos a passar por algo assim e, infelizmente, não seremos os últimos, e senti bastante o apoio que veio de vossa parte.

Isso foi algo bom, pois é sempre bom sentir apoio e carinho daqueles que acompanham o nosso trabalho e, mesmo em fases más, continuam a acompanhar-nos.

Fim do ano

Para dar continuidade ao meio do ano, o final não foi nem melhor nem pior.

Houveram muitas fases de stress, desentendimentos, não consegui voltar a ser regular nem no blog nem no canal, simplesmente por não ter vontade (sim, tudo o que aconteceu este ano mexeu demais comigo e afectou bastante a minha vida), tive alguns problemas relaccionados a saúde que nunca me tinham acontecido, mas felizmente já estou bem agora (penso eu), entre outras coisas que, somando tudo, fizeram com que me desligasse de muita coisa.

Entretanto conheci pessoas fantásticas com quem também vou ter oportunidade de realizar alguns projectos, e surgiram também alguns projectos que serão, muito provavelmente, realizados este ano, surgiram também oportunidades de trabalho para mim e, isso, foi uma parte boa.

Mas, quase a finalizar o ano, lá me consegui organizar um pouquinho mais e tentei voltar ao activo.

Concluindo

Sem dúvida que existe uma parte que pesa bastante na avaliação deste ano que passou... Mas não posso apenas contabilizar isso para avaliar como foi o ano de 2018.

Mau? Sim... uma parte dele... 

Bom? Sim... uma parte dele também.

Muitas boas memórias foram criadas neste ano e não as posso ''anular'' apenas por um acontecimento muito mau...

Consegui realizar algumas coisas este ano que pensava que nunca iria conseguir, então também tenho que contabilizar isso.

Foi o pior ano da minha vida? Para mim será sempre um ano marcado... Mas também não posso dizer que foi o pior de todos. Caso contrário estaria a desvalorizar tudo de bom que também aconteceu, e muitas dessas coisas boas foram com o meu filho e, isso, não desvalorizo nunca.

Haveria muita coisa que vos poderia dizer sobre o ano de 2018 mas, para este novo ano, quero deixar um pouco a tristeza de lado e trazer a alegria, as coisas boas que aconteceram e poderão acontecer daqui para a frente, valorizar o que tenho e, quem sabe, vos ajudar a ver algumas coisas com outros olhos. Pois foi assim que consegui acalmar um pouco o meu coração...

Um grande beijinho para todos que me acompanham e espero que continuem por cá!

You Might Also Like

0 comentários

Denunciar abuso