Casamento: E agora? Como vou fazer? | Li.Me

maio 15, 2018

Para quem não sabe eu estive de férias estas duas últimas semanas.

Já tinha deixado alguns post prontinhos a sair para que aqui o Blog não ficasse parado durante as minhas férias. Afinal, quem me acompanha não tem culpa se estou de férias ou não, não é verdade? ehehehehehe

Mas nem sempre tudo corre como planeado...

Logo no ínicio das férias surgiram várias oportunidades e projectos, e uma delas foi a realização do nosso casamento pela Igreja.

Sim, já somos casados no civil e tínhamos deixado a parte da igreja para mais tarde, quando tivessemos oportunidade de o fazer.

A oportunidade surgiu.



Com isso, deixei o Blog um pouquinho parado para, agora, começar uma nova etapa das nossas vidas e aproveitar para partilhar convosco que me acompanham como vai ser tudo, desde início até o momento final!

Para concluir esta longa introdução: decidi fazer isto pois eu mesma já pesquisei várias e várias vezes como é tudo isto de organizar um casamento e sempre aconteceu de ser tudo muito resumido.

Então, daqui para a frente, irei postar todas as fases pelas quais vamos passar, todos os problemas que encontramos e todas as soluções também, partilhando assim a minha experiência e deixar aqui as minhas dicas para quem também está a planear casar e quer dicas honestas e práticas!

Vamos ao que interessa!

Por onde começar?

Vamos seguir a lógica: há que começar pela parte mais importante que é a data.

Nós vivemos na Alemanha, então esse é um ponto bastante importante e complicado pois a maioria das coisas vamos ter que tratar à distância e ter alguém em Portugal, que é onde vamos realizar a cerimónia e festa, que nos possa ajudar com aquilo que não temos como fazer daqui.

É preciso encontrar uma data que ambos concordem e, se possível, que signifique algo para ambos.

Esse ponto nós já entramos em acordo.

Em seguida, é necessário decidir em que igreja vai ser a cerimónia para que se possa tratar de tudo o resto, ou seja: confirmar se essa data está disponível, confirmar a documentação necessária para a cerimónia e ter conhecimento dos passos que serão necessários até chegar o grande dia.

É neste ponto que estamos.

O que fazer nos entretantos?

Enquanto tudo isso se resolve aproveitei para fazer uma lista com as tarefas que precisam de ser feitas.

A lista não é nada pequena... E, na minha opinião, deve conter até mesmo os mais pequeninos detalhes que ambos querem que façam parte do casamento.

Algumas das coisas mais importantes são:
  • Escolher e marcar a data;
  • Escolher o local da cerimónia;
  • Lista de convidados;
  • Local da boda (festa);
  • Escolher o vestido de noiva;
  • Escolher o fato do noivo;
  • Escolher os padrinhos de casamento;
  • Escolher as alianças;
Depois, dentro de cada etapa acima referida, existem ainda outras pequenas etapas que são igualmente importantes, pois são os ditos pormenores que também não convém falharem.

Mas isso vou deixar para o próximo post para que este não fique tão longo.

O que acham desta ideia de partilhar convosco como vai correr a minha preparação e organização do casamento religioso?

Caso tenham dúvidas deixem aqui nos comentários que vou sempre tentar responder o melhor que conseguir!

Beijinhos!

You Might Also Like

2 comentários

  1. Ainda não estou nessa fase, mas gostei muito do post, achei muito útil!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada pelo feedback!

      Quando chegares pode ser que os posts aqui te ajudem a que seja mais simples :)

      Beijinhos

      Eliminar

Denunciar abuso