Fashionista de Quarta | 05 - Gel e Gelinho

novembro 15, 2017

Cada vez mais existe uma enorme preocupação, ou gosto, pelo cuidado com as nossas mãos.

No mercado e mesmo em lugares específicos, encontramos, também, cada vez mais profissionais relaccionados com estas áreas e, em específico, com o Nail Design.

Mas, ainda existem muitas dúvidas e críticas. Ou não seriamos nós seres humanos que gostamos de fazer tudo mas também gostamos de criticar tudo.

Então, como também já entrei nessa área, já aprendi, já expliquei, já usufrui e já a pratiquei (ainda pratico e aprendo), hoje trouxe para vocês as diferenças entre estas 2 técnicas que podem parecer bem similares, antes de me prolongar por um tema em específico sobre esta área.

Gel

Quando se fala em unhas de gel queremos dizer unhas que são construídas através de um gel específico para este efeito.

A unha tanto pode ser construída para aumentar o tamanho da mesma, como para apenas manter o tamanho.



O gel precisa de secar em uma máquina específica de raios ultra-violeta para poder ''criar'' a sua resistência e durabilidade, caso contrário apenas fica líquido e desliza.

Existem várias tonalidades de gel construtor. Entre elas, as mais comuns são o Clear (transparente), o Pink (normalmente rosa transparente), o White (branco, dito normal), o Pure White (um branco um pouco mais forte) e o Cover Pink (um rosa mais próximo à tonalidade da pele, ou seja, um pouco mais salmão).

Com o aumento e procura desta indústria, hoje já podemos encontrar várias tonalidades, principalmente de acordo com os vários tons de pele, assim como várias marcas e consistências (e fins também).

Depois da aplicação do gel na unha natural, não esquecendo que podem ser usados também extensores ou simplesmente construir o aumento, a unha pode ser pintada, decorada, ou, dependendo da técnica utilizada, apenas moldada e finalizada.

As principais vantagens desta técnica são:
  • Resistência, em comparação com a unha natural;
  • Unhas bonitas e brilhantes por muito mais tempo;
  • Protege as unhas naturais;
  • Contribui para a perda do hábito de roer as unhas (eu sou exemplo disso)
  • Durabilidade da manicure;
  • Opção de formato de unha.
Claro que, como tudo, também tem as suas desvantagens. São elas:
  • Custo, em comparação com uma manicure em unha natural;
  • Tempo ''perdido'' enquanto são feitas;
  • Uma má aplicação pode trazer alergias ou fungos;
  • Requer manutenção;
  • Só devem ser retiradas por um profissional da área.
Embora possam dizer que as unhas de gel enfraquecem as nossas unhas naturais, eu, como manicure que  pratica esta arte e pessoa que já usou bastante (principalemente enquanto aprendia era a minha própria cobaia), posso afirmar que nunca me causou problemas, nunca me anfraqueceu as unhas, pelo contrário, consegui deixar de roer as unhas e as minhas naturais já são um pouco fracas por natureza e assim continuam, não pioraram.

Então, a principal função desta técnica é construir uma ''segunda'' unha que será trabalhada depois.

Gelinho

O gelinho é também chamado de verniz de gel e isto traz algumas dúvidas e confusões. Então, para esclarecer, é a mesma coisa.

Esta técnica é um opção para quem procura uma manicure mais prolongada mas não quer usar as unhas de gel.



Tal como expliquei ao dizer que verniz de gel e gelinho é a mesma coisa, isto já nos diz alguma coisa.
Gelinho é um verniz feito à base de gel, com cor (ou não, no caso de transparentes), que é mais resistente que o verniz regular.

Tal como no gel, tem os seus procedimentos específicos.

Ao contrário do gel, o gelinho não permite alongar a unha natural. Para isso seria necessária uma aplicação e construção da unha em primeiro lugar e, posteriormente, a aplicação do gelinho.

Sim, podem ser usadas juntas. E, tal como acontece com o gel, tem que secar em uma máquina de raios ultra-violeta.

Normalmente, esta técnica é mais procurada por quem apenas procura uma manicure mais resistente, como referi acima, e ao mesmo tempo mais natural, já que o gel pode ficar com uma espessura diferente de unha natural.

As principais vantagens desta técnica são:
  • Aspecto mais natural;
  • Durabilidade da manicure;
  • Protecção da unha natural;
  • Aparência bonita;
  • Custo mais baixo, em comparação com unhas de gel.
Mais uma vez, tal como no gel, também tem as suas desvantagens:

  • Pode danificar as unhas naturais caso haja uma má aplicação;
  • Não tem tanta resistência como o gel;
  • Não tem tanta durabilidade como o gel;
  • É necessária manutenção;
  • Custo mais alto em comparação com manicure em unha natural.
Assim sendo, a principal função desta técnica é proporcionar uma manicure mais prolongada.

Concluindo

Ambas as técnicas tem as suas vantagens e as suas desvantagens.

Ambas proporcionam um aspecto mais bonito e uma maior longevidade na manicure. E, o melhor de tudo, é que podem ser usadas juntas!

Com o aparecimento desta técnicas podemos usufruir de uma maior liberdade em estilos, cores, desenhos, formatos, e tudo aquilo que queiramos imaginar!

Claro que, como em praticamente tudo aquilo que fazemos, tem as suas componentes importantes que não podem falhar para que o trabalho final seja como o esperado: duradouro e bonito.

Existem ainda outras técnicas de manicure, como a aplicação de acrílico e a imersão em pó (acho que estou a usar o termo correcto), mas isto pode ser tema para outro post! Não posso contar tudo de uma vez, não é mesmo?

O importante a saber é que, em qualqer técnica utilizada, a aplicacação deve se feita correctamente ou, como quando comemos algo em exagero (por exemplo), corremos o risco de sofrer as consequências.

O melhor a se fazer é procurar um profissional da área em que possamos confiar e ver como as nossas unhas reagem.

Sim, até por que, pela minha experiência enquanto manicure, não são todas as pessoas que aguentam gel, gelinho ou outra técnica. Algumas pessoas as suas unhas simplesmente ''rejeitam'' certas técnicas (gel, gelinho, acrílico, etc) fazendo com que a unha ''descole'', parta, perca o verniz, entre outras coisas. E isto, nem sempre, é culpa do/da profissional em questão que realizou o procedimento.

Espero ter conseguido explicar as diferenças entre as duas técnicas!

Beijinhos!!

You Might Also Like

0 comentários

Denunciar abuso